Muitos prestadores de serviços exercem suas atividades como PJ, seja por uma exigência da atividade, do contratante ou por opção. Oferecemos soluções adequadas para diferentes portes de empresa, incluindo atendimento online que garante agilidade na troca de informações, esclarecimentos e disponibilização de documentos.

O segmento de comércio varejista concentra o maior número de estabelecimentos e é o setor quem mais emprega no país. Estar atento ao cumprimento das obrigações fiscais e trabalhistas é fundamental para a tranquilidade do empresário. Normalmente o comércio varejista é tributado pelo Simples Nacional, mas é sempre importante comparar as demais formas de tributação. 

O imposto incidente sobre a atividade profissional é bastante elevado para a pessoa física. Muitas vezes este impacto pode ser reduzido quando estes constituem empresa e organizam a sua atividade atuando como PJ. Temos atuação e experiência no atendimento de empresas organizadas por atividades profissionais, como Advogados, Médicos, Dentistas, Engenheiros e empresas de Consultoria de uma forma geral.

Existem vantagens societárias, administrativas, operacionais e fiscais na formação de holdings familiares, como solução de problemas recorrentes em uma sucessão patrimonial, que se caracterizam como uma alternativa para quando o dono deixar a empresa como patrimônio aos seus herdeiros. As holdings familiares podem ter o objetivo de reduzir a carga tributária para quem tem portfólio de investimento imobiliário, proteção do patrimônio da família, além de facilitar a sucessão patrimonial.

As Startups têm características diferentes das empresas tradicionais e isso exige cuidados especiais na prestação de serviços contábeis. A abertura da empresa precisa ser bem planejada e a escolha da tributação adequada tem grande relevância no planejamento. As demonstrações contábeis devem ser feitas adequadamente para que a Startup receba investimentos e preste conta aos investidores.

O segmento industrial possui legislação e regulação específica. É um dos segmentos que mais exige atenção tributária em relação aos tributos IPI e ICMS. A contabilidade deve observar as regras da contabilidade internacional (IFRS), SPED, Bloco K e e-Social.

 

As empresas de tecnologia têm características específicas e uma análise tributária mais detalhada pode trazer economia e evitar muitas dores de cabeça. As empresas de tecnologia devem observar a Lei do Bem, aplicação da Desoneração de folha e possíveis reduções tributárias.

Chama-se “terceiro setor” as organizações não governamentais (sigla ONG), que não têm finalidade de lucro, mas congregam objetivos sociais, filantrópicos, culturais, recreativos, religiosos, artísticos. Estas entidades podem usufruir de isenções ou imunidades tributárias.

O segmento de comércio atacadista costuma possuir transações com valores relevantes, grande movimentação interna e interestadual de mercadorias.

 

O imposto incidente sobre a atividade profissional da saúde é bastante elevado para a pessoa física. Muitas vezes este impacto pode ser reduzido quando estes constituem empresa e organizam a sua atividade atuando como PJ.